Críticas

Crítica | O Esquadrão Suicida

Confira nossa opinião sobre o filme. O longa estreia dia 5 de agosto.

  Carlos Ferreira    sexta-feira, 30 de julho de 2021

Reprodução/Warner Bros./DC

Se você está pensando em assistir o novo filme do esquadrão mais desastrado do Universo DC, mas está sem expectativa nenhuma, anime-se! O longa está irradiando perfeição pelo trabalho maravilhoso de James Gunn. É sério! Não temos muito do que reclamar, já que até os sopapos da senhora Viola Davis são extraordinariamente bons.

Primeiro, preciso falar dos efeitos visuais: o filme escolhe mostrar a transição dos atos por meio de textos que fazem parte dos cenários em vez de uma simples legenda jogada na tela, e isso faz toda a diferença. Essa interação com a fotografia faz com que a gente se sinta parte daquilo, como se fosse uma imersão. Os efeitos especiais têm muita qualidade, apesar a coloração do Patrick gigante e da doninha humanoide.

O enredo traz cenas com um humor ácido associado ao humor clichê que funciona muito bem. Praticamente todas as cenas têm pelo menos um diálogo engraçado, sem falar na criatividade da produção, que também aparece a todo momento. Na trama, o governo envia os supervilões mais perigosos do mundo para a remota ilha de Corto Maltese, repleta de inimigos. Armados com armas de alta tecnologia, eles viajam pela selva perigosa em uma missão de busca e destruição com o Coronel Rick Flag.

Reprodução/Warner Bros./DC

O figurino traz uma caracterização peculiar para cada personagem e alinhado aos efeitos especiais, eles se tornam ainda mais interessantes. A peculiaridade de cada personagem também ajuda, principalmente porque a construção dos personagens está muito bem elaborada, ou seja, a gente entende porque cada objeto está em cena, mesmo que seja um dardo gigante à espera de um sinal divino.

Ainda sobre os personagens, você vai se apegar a alguém, certamente. James Gunn optou por trazer parte do elenco anterior e apresentar um novo elenco, botando um significado no primeiro filme (além de deixar claro que o novo longa é uma sequência): um esquadrão muito mais fortalecido. E você certamente vai querer ser amigo do Nanaue, ou do Sebastian.

A trilha sonora é outro ponto forte do filme, lembrando muito outro trabalho de James, Guardiões da Galáxia, e é tão incrível quanto a de Guardiões, já que traz Gloria GrooveKarol Conká e Marcelo D2 em sua trilha inédita. É uma problemática também, porque a ilha em que o o clímax acontece é muito mais ligada à língua espanhola, e isso só reforça o balaio em que os americanos colocam a gente. Sem falar em Alice Braga, brasileira, fazendo papel de uma guerrilheira a la FARC. Mas a gente perdoa um erro no meio de muitos acertos.

Alice Braga está belíssima e, apesar de sua personagem ter pouca participação no filme, é fundamental para a narrativa e para os momentos finais. Eu matei a saudade do Kirk, de Gilmore Girls, já que Sean Gunn, irmão de James, faz uma ponta no filme. O personagem de David Dastmalchian também chama a atenção como Bolinha, numa mistura de Gregório Duvivier com Fegan Floop (de Pequenos Espiões), pela sua timidez e pelo queerbating criado no meio pro fim do filme.

No filme, há uma rivalidade entre Peacemaker (John Cena) e Bloodsport (Idris Elba), mas briga de homem hétero pra saber quem é o melhor não nos interessa, não é mesmo?! O que importa mesmo é o desenvolvimento do relacionamento entre Bloodsport e Cleo Cazo e, principalmente, seu ratinho.

Reprodução/Warner Bros./DC

Copiando Godzilla x Kong, a grande batalha está mesmo no final do filme, já que a gente entende o verdadeiro propósito do Esquadrão ter sido enviado, principalmente porque nem tudo o que foi planejado dá realmente certo.

Bom, deixando as comparações entre os filmes franquia de lado, O Esquadrão Suicida traz muita ação, pancadaria e uma relação de amizade muito grande ao longo do filme. Vale esperar o filme chegar nos serviços de streaming pra assistir (cinema só se você for DCnauta de carteirinha), se você não curtir supervilões, pelo menos vai rir do começo ao fim.

 

Nota: 4/5.


Relacionados

Séries & TV

Pacificador se reúne com equipe de amigos em primeira imagem oficial da série para o personagem; veja

A série do anti-herói apresentado em o O Esquadrão Suicida está prevista para ter seu lançamento em janeiro de 2022

Filmes

Guardiões da Galáxia 3 | James Gunn fala sobre a criação de storyboards para o terceiro filme; confira

O cineasta falou da importância dessa parte do processo de criação, e que está trabalhando eletricamente para a continuação

Notícias

Com Batman: A Série Animada, animação de Ben 10, HBO Max anuncia novidades para setembro

A plataforma de streaming anunciou a chegada de títulos como Caminhos da Memória, Pretty Little Liars, e muitas outras novidades

Anime & Mangá

Harley Quinn ganha ilustração de autora de ‘BEASTARS’

Ilustração foi feita para promover ‘O Esquadrão Suicida’ no Japão.

Séries & TV

James Gunn desmente novos rumores de uma série para Bloodsport de Idris Elba

As especulações para uma série solo do personagem com habilidades especiais com armas foi desmentida pelo próprio diretor de O Esquadrão Suicida

Filmes

Daniela Melchior se diverte em nova imagem dos bastidores de O Esquadrão Suicida; veja

A atriz fez sua estreia na DC Comics como Caça Ratos 2 na trama do novo longa da Força Tarefa X