Música

BTS lança versão acústica e remix para o hit Dynamite – ouça agora!

A música alcançou nada menos que 101,1 milhões de visualizações em suas primeiras 24 horas no YouTube.

  Paulo C. Góis    segunda-feira, 24 de agosto de 2020

Reprodução/Internet

O grupo superstar de k-pop, BTS, lançou duas versões remix do single “Dynamite“.

A música disco-pop – que também é a primeira música do grupo inteiramente em inglês – já quebrou vários recordes.

A gravadora Big Hit Entertainment anunciou na segunda-feira que o BTS revelou uma faixa acústica adicional e uma versão EDM.

“Enquanto a faixa acústica mínima coloca em primeiro plano os vocais dos membros, o EDM é um rearranjo da música original que maximiza as vibrações alegres e divertidas”, disse BHE em um comunicado.

O lançamento de “Dynamite” não fazia originalmente parte dos planos da BTS. Isso aconteceu apenas seis meses após o lançamento do quarto álbum de estúdio do grupo, “Map of the Soul: 7“, que foi lançado em 21 de fevereiro.

Mas os membros da banda mudaram de abordagem depois de ouvir a versão final, e decidiram que poderia ser um tônico para os tempos difíceis.

“Assim que a ouvimos, achamos que era muito divertida e empolgante, uma música divertida e alegre que não era tão séria. Apenas nos fez sentir bem quando ouvimos isso”, explicou RM durante uma recente conferência de imprensa online. “Queríamos muito compartilhar essa energia com os fãs o mais rápido possível.”

Impulsionado por uma força de fãs extremamente leal, conhecida como o BTS Army, “Dynamite” ficou em primeiro lugar no “Global Top 50” do Spotify, a primeira vez que um ato coreano alcançou a marca.

A música também alcançou 101,1 milhões de visualizações em suas primeiras 24 horas no YouTube, com o vídeo dirigido por Yong Seok Choi da produtora Lumpens.


Paulo C. Góis

Paulo C. Góis

Paulo Cesar Góis, tradutor e redator. Foi introduzido por Harry Potter no mundo nerd. Desde então devorou de Duna a Sandman, e usa a fantasia e a ficção científica para tornar o universo um pouco mais mágico.

Comentários