Notícias

AT&T quer vender o Crunchyroll para a Sony por US$ 1,5 bilhão

Isso pode levar à fusão do Crunchyroll e da Funimation.

  Paulo C. Góis    quinta-feira, 13 de agosto de 2020

Reprodução/Internet

A WarnerMedia da AT&T está em negociações para vender seu serviço de streaming focado em anime Crunchryoll para a Sony, e está pedindo até US$ 1,5 bilhão pela plataforma, informou o The Information na quarta-feira (12).

De acordo com três pessoas não identificadas, a Sony está negociando a compra do Crunchyroll como um complemento para sua plataforma de distribuição de anime rival Funimation.

O preço potencial de US$ 1,5 bilhão está “bem acima dos valores recentes para outros serviços de streaming de nicho”, relatou o The Information, observando que a Sony “se recusou” a pagar tanto por um serviço voltado exclusivamente para fãs de anime.

Um porta-voz do Crunchyroll se recusou a comentar sobre “especulações” sobre uma venda potencial; um representante da Sony também se recusou a comentar.

O Crunchyroll, lançado em 2006, foi adquirido pela Otter Media em 2013 em um negócio que o banco de dados de financiamento PitchBook Data Inc. estimou uma avaliação de US$ 100 milhões sobre a empresa. Otter, uma joint venture criada pela AT&T e Peter Chernin, tornou-se subsidiária integral da AT&T há dois anos.


Paulo C. Góis

Paulo C. Góis

Paulo Cesar Góis, tradutor e redator. Foi introduzido por Harry Potter no mundo nerd. Desde então devorou de Duna a Sandman, e usa a fantasia e a ficção científica para tornar o universo um pouco mais mágico.

Comentários