Tecnologia

Primeiro sistema de câmera sob a tela está pronto para produção

Tecnologia promete acabar com o ‘notch’, buracos na tela ou mecanismos retráteis para abrigar a câmera frontal em smartphones. Segundo rumores, Xiaomi e Huawei já receberam protótipos das novas telas.

  Joshua Carvalho    quinta-feira, 09 de julho de 2020

Xiaomi e Huawei

A Visionox, fabricante chinesa de telas para smartphones, diz que está pronta para iniciar a produção em massa dos primeiros painéis OLED que permitirão colocar uma câmera debaixo da tela, eliminando a necessidade do “notch”, buracos ou mecanismos retráteis (pop-up) para abrigar uma câmera frontal em aparelhos futuros.

A empresa batizou sua tecnologia de “InV See”, e afirma que usa novos circuitos de controle, novos materiais transparentes e um novo arranjo de pixels na tela para permitir que a luz chegue ao sensor da câmera sem que sofra interferência causada pelos componentes acima dele.

Em meados do ano passado tanto a Xiaomi quanto a Oppo demonstraram protótipos de aparelhos equipados câmeras sob a tela, sem mencionar o fabricante por trás da tecnologia. Um executivo da Xiaomi publicou no Twitter uma série de slides explicando como ela funciona: basicamente, quando a câmera é ativada uma pequena área do display é desligada e se torna transparente, deixando a luz ambiente passar e chegar ao sensor de câmera debaixo dela.

Não é algo muito diferente do método usado pelos sensores ópticos de impressão digital instalados sob a tela de vários smartphones já disponíveis no mercado. O principal desafio é que a resolução do sensor de uma câmera para selfies é muito mais alta, o que exige que mais luz atravesse a tela e maior nitidez na imagem.

Segundo rumores, a Visionox já entregou amostras da nova tela a empresas como a Xiaomi e a Huawei, que deverão anunciar aparelhos equipados com a tecnologia “em breve”.

Informações fornecidas pelo site GizChina com detalhes do site Olhar Digital.


Joshua Carvalho

Joshua Carvalho

Redator, escritor e conteudista na área do entretenimento. Inspirado por HQs, faço o que posso para espalhar a cultura pop pelo mundo.

Comentários