Notícias

Michael Jordan doa US$ 100 milhões para organizações que lutam pela igualdade racial

O valor será investido nos próximos 10 anos através da sua organização Jordan Brand.

  Paulo C. Góis    sexta-feira, 05 de junho de 2020

Michael Jordan se comprometeu a doar US$ 100 milhões nos próximos 10 anos para organizações dedicadas ao combate à igualdade racial.

“Vidas negras são importantes. Esta não é uma declaração controversa”, disse Jordan em comunicado. “Até que o racismo arraigado que permite o fracasso das instituições de nosso país seja completamente erradicado, permaneceremos comprometidos em proteger e melhorar a vida dos negros.”

O anúncio ocorre após protestos nacionais das mortes de George Floyd, Breonna Taylor e Ahmaud Arbery. Pessoas dos EUA e de outros países foram às ruas para chamar a atenção para a brutalidade policial e o racismo sistêmico. Floyd, um negro de 46 anos, morreu em 25 de maio, depois que um policial de Minnesota se ajoelhou no pescoço de Floyd por quase nove minutos.

“Hoje, estamos anunciando que Michael Jordan e Jordan Brand vão doar US $ 100 milhões nos próximos 10 anos para organizações dedicadas a garantir igualdade racial, justiça social e maior acesso à educação”, afirmou o comunicado.

Jordan divulgou uma declaração no início da semana para se manifestar contra a injustiça racial, dizendo: “Eu defendo aqueles que estão denunciando o racismo e a violência arraigados contra pessoas de cor em nosso país. Já tivemos o suficiente.”

No anúncio de sexta-feira, Jordan elogiou o progresso que foi feito, mas reconhece que ainda há mais trabalho a ser feito.

“A Jordan Brand somos nós, a comunidade negra. Jordan Brand é mais do que um homem. Sempre foi uma família. Representamos uma família orgulhosa que superou obstáculos, lutou contra a discriminação nas comunidades em todo o mundo e trabalha todos os dias para apagar a mancha do racismo e os danos da injustiça”, continua o comunicado.

 


Paulo C. Góis

Paulo C. Góis

Paulo Cesar Góis, tradutor e redator. Foi introduzido por Harry Potter no mundo nerd. Desde então devorou de Duna a Sandman, e usa a fantasia e a ficção científica para tornar o universo um pouco mais mágico.

Comentários