Notícias

Máscaras de Bane, vilão do Batman, esgotam durante pandemia

Enfrentando a pandemia com estilo.

  Paulo C. Góis    quarta-feira, 20 de maio de 2020

Aparentemente, as máscaras do Bane tornaram-se uma mercadoria quente em meio à pandemia de coronavírus e aos requisitos subsequentes dos governos estaduais e locais, como em Los Angeles, onde os moradores agora precisam usar uma máscara ao sair para qualquer tarefa.

O supervilão do Batman, aparentemente imparável – que apareceu pela primeira vez nas páginas da DC Comics em 1993 – é mais conhecido pelo retrato de Tom Hardy em O Cavaleiro das Trevas Ressurge, de 2012. A característica marcante de Bane é sua máscara, que fornece ao personagem um gás que alivia a dor. E parece que a versão da máscara de Hardy agora é uma opção popular para quem se aventura fora de casa.

Máscaras de plástico para adultos de Bane são vendidas em vários sites de fantasias, incluindo Costume.com, BuyCostumes.com e HalloweenCostumes.com. Ainda existem máscaras de plástico disponíveis na Amazon. As forças armadas dos EUA (se divertindo) chegaram a notar que as máscaras de Bane não eram uma cobertura facial aceitável durante a pandemia.

David DeJac, porta-voz do Costume.com, disse ao The Hollywood Reporter que as máscaras de Bane estão esgotadas desde o início deste mês.

“Observando os números de vendas, a máscara de adulto teve um pico de vendas bastante alto em abril e no início de maio, o que é incomum para esta época do ano”, disse DeJac, acrescentando que algumas máscaras infantis ainda estão em estoque.

Nerds sendo nerds!

 


Paulo C. Góis

Paulo C. Góis

Paulo Cesar Góis, tradutor e redator. Foi introduzido por Harry Potter no mundo nerd. Desde então devorou de Duna a Sandman, e usa a fantasia e a ficção científica para tornar o universo um pouco mais mágico.

Comentários