Notícias

Criadora de ‘Matrix’ perde a paciência e xinga Weintraub, Elon Musk e filha de Trump

Famosos estão utilizando Matrix para espalhar desinformação sobre o coronavírus.

  Paulo C. Góis    segunda-feira, 18 de maio de 2020

Talvez você não conheça Lilly Wachowski, mas com certeza conhece Matrix.

A franquia de filmes se tornou uma das mais icônicas de todos os tempos e veio da mente de Lilly e sua irmã, Lana – que atualmente está comandando Matrix 4, dessa vez sozinha.

A cineasta usou o seu Twitter recentemente para responder autoridades e famosos que usaram referências a Matrix para incentivar pessoas a desrespeitarem as medidas de prevenção e combate à pandemia de coronavírus.

Primeiramente, Lilly mandou o atual Ministro da Educação brasileiro, Abraham Weintraub, se foder. Pois é. Ele publicou uma cena de Matrix em que Neo precisa decidir entre a pílula vermelha (acordar para a realidade) e a pílula azul (continuar na simulação).

A diretora não curtiu o uso da sua obra para espalhar desinformação e xingou o cara na lata:

Agora, a situação se repetiu com outros dois famosos. O bilionário norte-americano Elon Musk, dono da Tesla, tweetou para seus seguidores “tomarem a pílula vermelha” em referência a Matrix e foi compartilhado pela filha do presidente Donald Trump, Ivanka.

É claro que Lilly também não aguentou a perversão do significado de seu filme e também mandou os dois se foderem.

Confira:

 

 


Paulo C. Góis

Paulo C. Góis

Paulo Cesar Góis, tradutor e redator. Foi introduzido por Harry Potter no mundo nerd. Desde então devorou de Duna a Sandman, e usa a fantasia e a ficção científica para tornar o universo um pouco mais mágico.

Comentários