Notícias

Ações da rede de cinemas AMC têm alta histórica após rumor de compra pela Amazon

A empresa norte-americana está à beira da falência com a pandemia do coronavírus.

  Paulo C. Góis    segunda-feira, 11 de maio de 2020

As ações da AMC Entertainment Holdings subiram 42,4% na segunda-feira (11), depois de relatos de que a gigante do comércio eletrônico Amazon.com estava considerando comprar a operadora de cinema.

De acordo com o Daily Mail, a Amazon e seu fundador, Jeff Bezos, estão “circulando” o dono da rede de cinemas e alegadamente mantiveram conversas sobre uma “possível aquisição da AMC pela Amazon”. O jornal não pôde confirmar se essas discussões ainda estão ativas ou podem levar a acordos.

As ações da AMC Entertainment Holdings subiram 42,47% na segunda-feira de manhã, aproximadamente US$ 5,86 por ação – mais do que o dobro do recorde de baixa da empresa em 13 de abril, que totalizou US$ 2,08 por ação.

Os últimos meses foram tumultuados, na melhor das hipóteses, para a empresa – na semana passada, ela anunciou que deixaria de exibir filmes da Universal Pictures em seus cinemas depois que o estúdio optou por enviar alguns títulos de sucesso, incluindo Trolls 2: World Tour, direto para lançamento digital.

O relatório de ganhos mais recente da AMC viu a empresa perder as previsões dos analistas de receita e ganhos. A receita da empresa caiu 6,4%, ou US$ 50 milhões, em relação ao primeiro trimestre do ano passado. Seu lucro líquido foi inferior à metade do ano fiscal anterior, totalizando US$ 69 milhões.

A AMC também disse que viu as vendas domésticas de anúncios caírem 11% durante o primeiro trimestre, com seus cinemas fechados para combater o COVID-19.

As subsidiárias da rede da AMC nos Estados Unidos incluem a BBC America, IFC, SundanceTV, WE tv e AMC Studios, cada uma das quais relatou perda de receita no último trimestre.


Paulo C. Góis

Paulo C. Góis

Paulo Cesar Góis, tradutor e redator. Foi introduzido por Harry Potter no mundo nerd. Desde então devorou de Duna a Sandman, e usa a fantasia e a ficção científica para tornar o universo um pouco mais mágico.

Comentários