Games

Diretor de ‘God of War’ confirma existência do cristianismo no jogo

Já pensou um encontro entre Kratos e Jesus?

  Paulo C. Góis    terça-feira, 14 de abril de 2020

Segundo o diretor do jogo, o cristianismo existe no universo de ‘God of War‘.

Desde seu começo humilde em 2005, a série se definiu com combate bombástico e narrativa profunda. A história de Kratos, o fantasma de Esparta, tem todos os ingredientes de uma tragédia grega ideal, com sua rivalidade com os deuses do Olimpo, levando à queda de todo o panteão grego.

Em três títulos principais, um prequel e duas entradas portáteis, a saga God of War rapidamente se tornou uma das franquias mais queridas do PlayStation.

Em 2018, a série foi revivida com um novo título, simplesmente intitulado God of War, que levou a ação ao domínio da Mitologia Nórdica. Este novo jogo contou com um Kratos mais velho lutando para criar seu filho, Atreus, enquanto mantinha seu passado sangrento borbulhando na superfície mais uma vez.

A série ganhou elogios de estudiosos por apresentar novas audiências à rica história da mitologia grega e nórdica, com as representações dos jogos de deuses e criaturas mostrando um forte grau de precisão em relação às representações míticas originais.

Agora, parece que um dia poderemos – quem sabe – ver Kratos passeando pelo universo mítico do cristianismo, já que o diretor Cory Balrog confirmou que essa mitologia também faz parte do cânone da franquia:

 

 


Paulo C. Góis

Paulo C. Góis

Paulo Cesar Góis, tradutor e redator. Foi introduzido por Harry Potter no mundo nerd. Desde então devorou de Duna a Sandman, e usa a fantasia e a ficção científica para tornar o universo um pouco mais mágico.

Comentários