Filmes

Joaquin Phoenix conta sua própria teoria sobre o final de ‘Coringa’

A estrela do longa comentou as hipóteses levantadas pelos fãs sobre a trama.

  Paulo C. Góis    quinta-feira, 14 de novembro de 2019

Coringa‘ está concorrendo com ‘Vingadores: Ultimato‘ pelo posto de maior filme do ano, e os fãs têm várias teorias sobre seu final.

No fim do longa, o Arthur Fleck de Joaquin Phoenix acaba preso em um hospício após assassinar o apresentador de televisão Murray Franklin (Robert De Niro) ao vivo, um ato que incita a violência por toda Gotham.

O que o público anda se questionando, entretanto, é se o Coringa não esteve lá durante todo esse tempo e os eventos do filme são apenas alucinações de sua mente doentia. Sobre isso, Phoenix disse o seguinte em recente entrevista ao Los Angeles Times:

“Tem sido super interessante como as pessoas reagem ao filme e o que elas veem – para mim, todas essas respostas são válidas. Normalmente você tem que responder essas perguntas. Mas essa é realmente participativa e interativa. A audiência decide.

Isso é tão raro, especialmente com um filme de um grande estúdio, e eu não quero arruinar isso dizendo ‘Não, é isso e acabou’. Para mim, existem tantas formas de enxergar este personagem e sua experiência que eu não acho que você pode atribuir um único significado.”

Apesar disso, ele disse que acredita que tudo que vimos no filme foi real, e não fruto da imaginação.

“Mas eu não sei”, ele terminou. “É só minha opinião.”


Paulo C. Góis

Paulo C. Góis

Paulo Cesar Góis, tradutor e redator. Foi introduzido por Harry Potter no mundo nerd. Desde então devorou de Duna a Sandman, e usa a fantasia e a ficção científica para tornar o universo um pouco mais mágico.

Comentários