Séries & TV

Após estreia na BBC, His Dark Materials é chamada de “Nárnia para ateus” e “satanista”

A série chega ao Brasil nesta segunda-feira (4) às 23h na HBO.

  Paulo C. Góis    segunda-feira, 04 de novembro de 2019

Quem conhece a história de His Dark Materials já estava esperando por esse tipo de reação – entretanto, foi mais rápido do que o previsto.

Entre as reviews da série no IMDb após sua estreia na BBC está uma bastante peculiar que acusa a trama de ser “As Crônicas de Nárnia e O Senhor dos Aneis para ateus”, chegando a acusar a obra adaptada de Phillip Pullman de simplesmente “satanista”.

O usuário, que deu nota 1 de 10 ao episódio piloto, diz o seguinte:

“Chama o que é mau de bom e o que é bom de mau. Usa os piores estereótipos anti-cristãos de cristãos como antagonistas. Protagonistas que recebem ajuda de anjos caídos, simpatizando com o mau, convencendo as crianças de que o mau é na verdade bom e que é ok entrar em guera contra Deus, porque ele é apenas um charlatão poderoso, louco, cruel e injusto.”

Curiosamente, os detalhes apontados na resenha não aparecem no primeiro episódio da série – seria muita coisa, né? Portanto, é óbvio que o usuário tem conhecimento prévio da trama dos livros (como a introdução de Deus como um personagem).

Cabe lembrar que a história já foi adaptada em forma de filme em 2007, estrelando Daniel Craig e Nicole Kidman, mas a obra nunca foi continuada – em parte devido ao fato de que a narrativa se tornava muito questionadora e a Igreja Católica boicotou fortemente a produção.

Lyra é uma menina órfã que foge da universidade na qual mora para procurar um amigo desaparecido. Em sua jornada ela recebe ajuda de diversos personagens inusitados como o povo gípcio, ursos de armaduras e pilotos de balão enquanto desvenda um estranho complô para sequestrar crianças. Seu caminho cruza com o de Will, um menino que descobre uma forma de viajar entre mundos – até se envolver em uma guerra cósmica entre anjos rebeldes e a própria Autoridade, Deus.

A série chega ao Brasil nesta segunda-feira (4) às 23h na HBO.


Paulo C. Góis

Paulo C. Góis

Paulo Cesar Góis, tradutor e redator. Foi introduzido por Harry Potter no mundo nerd. Desde então devorou de Duna a Sandman, e usa a fantasia e a ficção científica para tornar o universo um pouco mais mágico.

Comentários