Polêmicas

Watchmen | Nova série da HBO é atacada por supremacistas brancos e é chamada de ‘esquerdista’

Ao todo serão 9 episódios que vão ao ar todo domingo às 23h (horário de Brasilia) pela HBO e HBO GO.

  Vitor Cayres    segunda-feira, 21 de outubro de 2019

A nova série da HBO, Watchmen, baseada no quadrinho de mesmo nome, da DC Comics, criada por Aan Moore e Dave Gibbons, mal estreou e já é um sucesso de crítica.

Watchmen recebeu a avaliação de 44 veículos de comunicação dos Estados Unidos e recebeu uma aprovação de 93%, o que significa aclamação para Watchmen. Além disso, a série recebeu o selo Fresh do site.

No entanto, a produção vem sendo atacada por supremacistas brancos que chamam a série de ‘esquerdista’ no site Rotten Tomatoes e que, antes mesmo da série estrear, já estava recebendo nota baixa pelo público. Até o momento foram 155 avaliações e uma média de 50% de aprovação.

Abaixo separamos alguns comentários:

‘O episódio 1 nada mais é do que propaganda racista projetada para fazer as pessoas se odiarem. Não assista. Lixo total.’

‘Se isso não fosse chamado WATCHMEN, eu teria dado 2 estrelas. Os personagens originais da HQ não fazem justiça. Rorschach NÃO era um supremacista branco.’

‘Horrivelmente escrito. Uma tentativa barata de usar a situação atual em nosso país (EUA) para obter espectadores. Chato, fácil, e bastante embaraçoso!’

A produção é exibida aos domingos, às 23h00, sendo lançada simultaneamente no Brasil e Estados Unidos. Os assinantes do HBO Go também poderão assistir a trama pela internet.

Ao todo serão 9 episódios que vão ao ar todo domingo às 23h (horário de Brasilia) pela HBO e HBO GO.

O produtor Damon Lindelof, responsável por “Lost” e “The Leftovers”, assina o seriado, que conta com nove episódios na primeira temporada.


Vitor Cayres

Vitor Cayres

Fundador, formado em Publicidade e Propaganda, paulista e, enquanto não consegue ir para Marte, acredita que um dia teremos respostas sobre as origens dos Aliens.

Comentários