Filmes

Viggo Mortensen trucida partido de extrema-direita que usou ‘O Senhor dos Aneis’ como propaganda

O ator, que viveu Aragorn na franquia, debochou do uso do personagem, que sempre defendeu a diversidade na Terra Média.

  Paulo C. Góis    quinta-feira, 16 de maio de 2019

O ator Viggo Mortensen, conhecido por dar vida a Aragorn em ‘O Senhor dos Aneis‘, deu uma declaração inusitada.

Após o partido espanhol de extrema-direita Vox utilizar sua imagem para fazer propaganda política, Mortensen escreveu uma carta aberta ao jornal El Pais chamando a organização de “neofascista” e criticando tudo que ela representa.

Em sua carta, Mortensen se descreve como “uma pessoa interessada na rica diversidade de culturas e línguas que existe na Espanha e no mundo”, e continua:

“É ainda mais ridículo usar o personagem Aragorn, um homem de estado poliglota que advoga pela inclusão de várias raças, costumes e linguagens na Terra Média, para legitimar um grupo político anti-imigração, anti-feminista e islamofóbico.

Eu riria da sua idiotice, mas o Vox entrou no parlamento com 24 cadeiras: não é uma piada, e precisaremos estar alertas e pro-ativos como Aragorn foi na história de Tolkien.”

Na propaganda publicada no Twitter oficial do Vox, podemos ver Aragorn – que representa o partido – enfrentando símbolos de movimentos feministas, LGBTs, anarquistas e separatistas catalães.


Paulo C. Góis

Paulo C. Góis

Paulo Cesar Góis, tradutor e redator. Foi introduzido por Harry Potter no mundo nerd. Desde então devorou de Duna a Sandman, e usa a fantasia e a ficção científica para tornar o universo um pouco mais mágico.