Notícias

Amber Heard dá mais detalhes sobre as agressões de Depp; ator nega acusações

O caso segue na justiça.

  Paulo C. Góis    segunda-feira, 15 de abril de 2019

Esse caso ainda está longe do fim.

Enquanto Johnny Depp entrou com um processo judicial no valor de US$ 50 milhões contra Amber Heard, acusando a atriz de ter forjado as agressões por “fama”, ela voltou à imprensa para detalhar o abuso que alega ter sofrido.

Em entrevista ao portal Entertainment Tonight, ela disse que o ator se transformava às vezes em uma pessoa totalmente diferente, delirante e violenta, que ela e as pessoas mais próximas chamavam de ‘O Monstro’.

Heard também revelou uma ocasião em 2014 onde ambos estavam a bordo de um voo entre Boston e Los Angeles na qual Depp jogou objetos nela ao descobrir que protagonizaria uma cena de sexo com James Franco em um de seus trabalhos.

Por isso, com o caso de volta à mídia, a Warner Bros. estaria sem saber o que fazer – principalmente considerando-se que a corporação passou por um baque ao ser revelado ao público que seu CEO, Kevin Tsujihara, estava envolvido em escândalos sexuais. Tsujihara foi afastado de suas funções.

Uma fonte interna da empresa disse o seguinte em entrevista:

Os executivos da Warner Bros. estão se perguntando como lidar com a reação da questão do Depp na franquia Harry Potter. Executivas de alto nível no estúdio estão extremamente preocupadas em trabalhar com Depp e com a mensagem que ele envia ao público, especialmente após a recente e sórdida saída do CEO Kevin Tsujihara. Este é mais um golpe na moral dos funcionários do estúdio. Se a Warner Bros continuar a depender de Depp, isso revelará muito sobre os valores que a empresa quer passar.

Será que ele vai ser demitido? Será que vão comprar essa briga?

 

 


Paulo C. Góis

Paulo C. Góis

Paulo Cesar Góis, tradutor e redator. Foi introduzido por Harry Potter no mundo nerd. Desde então devorou de Duna a Sandman, e usa a fantasia e a ficção científica para tornar o universo um pouco mais mágico.

Comentários