,

Space Jam 2 | Longa com LeBron James terá crítica social e quebrará padrões, segundo diretor

Como já foi noticiado há alguns meses, o clássico Space Jam – em que Michael Jordan contracena com os Looney Tunes – terá uma sequência.

Dessa vez, a produção ficará nas mãos do produtor Ryan Coogler, que trabalhou em Pantera Negra, e do diretor indie Terence Nance, que desafia os limites da estética audiovisual em Random Acts of Flyness, série da HBO que trata de diversos temas complexos e espinhosos como masculinidade tóxica, não-monogamia, supremacismo branco e muito mais.

Com um orçamento de nada menos que US$ 100 milhões para Space Jam 2, Nance promete que o longa será socialmente consciente, como tudo que ele dirige.

Tenho certeza que vai romper com tudo que existe. Estou empolgado para o que esse filme pode ser.

Isso é um desafio considerável, já que no primeiro filme os Monstars tentavam literalmente escravizar os Looney Tunes. Mas, de acordo com Nance, é uma oportunidade única.

Space Jam é uma oportunidade única, porque LeBron James é o melhor jogador de basquete da Terra e o performer de uma geração. Independente de quem for o melhor jogador da próxima geração, provavelmente não será um bom ator também. Crescendo como animador, alguém que ama desenhar, estou super entusiasmado em trabalhar com o cânone, de aprender mais a fundo sobre e de trazer o que costumo trazer do ponto de vista de inovação de mídia.

A produção de Space Jam 2 começa ainda em 2019, mas o filme não tem data de estreia oficial.

 

Carregando...

Criminal Elements | Jogo mobile de Breaking Bad será gratuito – veja o teaser!

Homem-Aranha no Aranhaverso pode ter série spin-off na TV