Notícias

Presidente da Warner diz que não focará em universo compartilhado da DC nos cinemas

Segundo ele, o sucesso de Aquaman representa o fato de que um filme de cada vez pode ser o caminho certo – e lucrativo.

  Paulo C. Góis    segunda-feira, 21 de janeiro de 2019

Um balde de água fria para os fãs dos quadrinhos da DC Comics que esperavam uma abordagem similar à da Marvel.

Em uma entrevista ao portal The Hollywood Reporter, o presidente da Warner Bros. Pictures, Toby Emmerich, disse o que todos temiam: que não pretende expandir o universo compartilhado da DC nos cinemas.

Segundo ele, o sucesso de Aquaman representa o fato de que um filme de cada vez pode ser o caminho certo – e lucrativo.

Todos nós sentimos como se tivéssemos superado a ideia agora. Estamos agindo de acordo com a ‘maneira DC de ser’, que é muito diferente da ‘maneira Marvel de ser’. Estamos muito menos focados em um universo compartilhado. Vamos focar em um filme por vez.

De acordo com Emmerich, o foco da Warner será mais na qualidade dos diretores escolhidos para as produções e menos no enredo compartilhado, com cada filme tendo sua própria personalidade distinta.

Aquaman foi um sucesso de bilheteria, tendo arrecadado mais de 1 bilhão de dólares mundialmente.

 


Paulo C. Góis

Paulo C. Góis

Paulo Cesar Góis, tradutor e redator. Foi introduzido por Harry Potter no mundo nerd. Desde então devorou de Duna a Sandman, e usa a fantasia e a ficção científica para tornar o universo um pouco mais mágico.

Comentários