Notícias

Filmes protagonizados por mulheres superam os masculinos na bilheteria, aponta estudo

A pesquisa foi liderada por uma ex-chairman da Sony Pictures.

  Paulo C. Góis    terça-feira, 11 de dezembro de 2018

Filmes protagonizados por mulheres superam o desempenho de filmes protagonizados por homens na bilheteria de 2014 a 2017, segundo um estudo publicado na terça-feira e divulgado pelo portal da Variety.

A Creative Artists Agency e a empresa de tecnologia Shift7 disseram que a análise descobriu que os filmes protagonizados por mulheres superam os protagonizados por homens em todos os níveis de orçamento.

A pesquisa surgiu do movimento Time’s Up (algo como Já É Hora, ou O Tempo é Agora), em uma colaboração que busca melhorar a representação de mulheres na mídia e no entretenimento.

O grupo é liderado pela produtora e ex-chairman da Sony Pictures, Amy Pascal, a CEO da Shift7, Megan Smith, e a produtora Liza Chasin.

A análise examinou 350 filmes lançados entre 2014 e 2017, categorizados em cinco níveis de orçamento: menos de 10 milhões, de 10 a 30 milhões, de 30 a 50 milhões, de 50 a 100 milhões e maiores que 100 milhões.

Para ser considerado como tendo “protagonismo feminino”, mulheres deveriam estar listadas como a atriz-chave ao serem consideradas em notas de imprensa, créditos finais e conteúdo promocional.

O estudo também notou que todo filme que ultrapassou 1 bilhão na bilheteria mundial também passou no Teste de Bechdel, em que: 1) o filme tem de ter no mínimo 2 mulheres; 2) as duas mulheres falam uma com a outra no filme; 3) elas falam sobre algo que não seja um homem.

Mulher-Maravilha, estrelado por Gal Gadot, foi um dos maiores filmes protagonizados por mulheres durante o período da pesquisa, com 821 milhões de dólares arrecadados mundialmente. A sequência, Mulher-Maravilha 1984, estreia em 2020.


Paulo C. Góis

Paulo C. Góis

Paulo Cesar Góis, tradutor e redator. Foi introduzido por Harry Potter no mundo nerd. Desde então devorou de Duna a Sandman, e usa a fantasia e a ficção científica para tornar o universo um pouco mais mágico.