Anime & Mangá

Referências religiosas em Death Note – polêmicas da vez!

Quer saber mais sobre isso? Então, leia logo abaixo!

  Rodrigo José    segunda-feira, 17 de julho de 2017

E aí pessoal! Tudo certo com vocês? Mais uma semana começando, e mais uma polêmica pouco antes do lançamento da adaptação de Death Note. E a polêmica da vez (que nem é tão recente assim, mas está ficando gradativamente mais forte) trata-se nada menos do que a simbologia apresentada na obra original, bem evidente em sua versão em anime. Quer saber mais sobre isso? Então, leia logo abaixo! Mas antes, já sabem.

Não deixem de curtir a página oficial do Nerd Site no Facebook! É através da interação de vocês aqui nos comentários e em nossas redes sociais, que conseguimos chegar ao melhor conteúdo!

Bom, parece impossível, mas algumas pessoas somente agora se deram conta das simbologias por trás de Death Note. Com a data de estreia da adaptação americana da obra cada vez mais próxima, alguns bloggers e Youtubers tem feito publicações referente à simbologia, sobretudo para posicionar melhor as pessoas que ainda não conhecem a obra e verão pela primeira vez através da adaptação.

Aí chegamos ao problema. Diversos fãs têm criticado, e alguns tem ido além, negando tais simbologias, que são bem evidentes e fazem parte do contexto da obra. Se as controvérsias geradas foram a intenção do autor da obra quando a escreveu, bom, ele conseguiu. É evidente que Light Yagami é uma perfeita metáfora humana para o Diabo. Por exemplo, “Lúcifer” significa “portador da luz” e o pecado de Satanás foi o mesmo de Light: desejar ser deus. O caminho gradual de Light enquanto ele persegue seu objetivo nada santo é uma ilustração vívida do entendimento católico sobre o mal. Há várias referências católicas sutis em forma de simbolismo e música. Vejam logo abaixo algumas.

  • Maçãs. O alimento preferido de Ryuuku são maçãs. A maçã é o fruto da Árvore da Vida e o fruto da árvore da Ciência do bem e do mal. Um conhecimento unificador que confere a imortalidade ou conhecimento separador que provoca a queda. O acto de comer a maçã significa abusar da sua inteligência para conhecer o mal, da sua sensibilidade para o desejar, da sua liberdade para o fazer. Ryuuku conhece, deseja e faz o mal, só que de uma forma mais discreta do que Light, isto é, divertindo-se com a tragédia que tem o seu início assim que Light se assume como dono do “Death Note”.
  • Pode dizer-se que a Cruz está representada no “Death Note”. Light ascende cada vez mais, deduzindo-se que a sua queda será grande. Sendo ele, o crucificado por arriscar a sua segurança e até a vida pelo Bem no mundo. Cristo, Deus na Terra é o salvador, o indicado para fazer Justiça e construir um mundo melhor.
  • De um certo modo faz lembrar um corvo, estando os corvos ligados ao medo da infelicidade. No Génesis é um corvo que vai verificar se a terra começa, após o dilúvio, a reaparecer por cima das águas. Ryuuku avisou Light que aquele que utilizasse o “Death Note” só podia esperar um final trágico. Ainda assim, Light comporta-se, de facto, como um mensageiro divino, um enviado por Deus para fazer Justiça, um génio que vive num plano superior, a que só ele pertence. O corvo também simboliza a solidão, ou melhor, a opção do isolamento voluntário daquele que decidiu viver num plano superior.
  • O número 13. A determinado momento da história Ryuuku inventa uma regra falsa ao “Death Note”. Basicamente diz que o dono do “Death Note” não pode estar mais do que treze dias sem assassinar ninguém. Desde a antiguidade que o número 13 tem um enorme significado. Na última refeição de Cristo com os seus apóstolos, a Última Ceia, os presentes eram treze. A Cabala enumerava 13 espíritos do mal. O 13º capítulo do Apocalipse é o do Anticristo e da Besta. De uma forma geral, este número corresponde a um recomeço, trata-se mais de refazer qualquer coisa do que de renascer. Apesar de Light se considerar o Deus do novo Mundo, no fundo, acaba por se revelar um Anticristo, pois trata-se de alguém que se opõe a Jesus Cristo em relação ao modo como faz o Bem e que, segundo a tradição Cristã, dominará o mundo nos últimos dias, antes que Cristo regresse pela segunda vez. Assim que Light morre, pressupõe-se não um surgimento de um novo mundo, mas sim uma reconstrução do mesmo, isto é, uma mudança gradual, no sentido de se viver sem Kira.

Mas, e aí, algum problema quanto às referências? Claro que não! Obras japonesas se utilizam, além de sua própria cultura, diversas outras, bem como referências religiosas e de época. Diversos outros animes fazem uma referência até mais clara, como são os casos de Chrono Crusade, Junketsu no Maria, Haibane Hemei e muitos, mas muitos outros. Então, aos fãs: apreciem a obra, pois Death Note é uma das grandes obras já adaptadas para anime. Até a próxima pessoa!


Rodrigo José

Rodrigo José

Colaborador, administrador, escritor e pai. Trabalha atualmente em empresa de consultoria em meio ambiente, também colunista em site de música underground (Elegia e Canto) e tenta conciliar o que resta do tempo entre assistir animes e séries.

Comentários