O diretor Tim Miller, responsável pelo primeiro filme do Deadpool, não vai mais trabalhar na sequência, “Deadpool 2“, por causa de “diferenças criativas” com o astro da franquia, o ator canadense Ryan Reynolds, segundo o site Deadline.

Ainda segundo o site, o cineasta, transformou o primeiro filme em um dos maiores sucessos desse ano, ainda não havia assinado o contrato para a continuação. Mas ele já estava trabalhando no desenvolvimento do roteiro da produção, prevista para estrear em em 2018.

Mundialmente, o longa arrecadou US$ 782,6 milhões (cerca de R$ 2,5 bilhões) ao redor do mundo.

Baseado na história em quadrinhos homônima, “Deadpool” tem como protagonista um anti-herói que quer salvar sua namorada e busca vingança contra um antigo inimigo.

Comentários

Comentários